quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Entrevista com a escritora Andréa Menezes

Que tal se permitir? Com o livro Permissão, você irá entender como e porque se permitir a viver uma nova vida, e a autora dessa obra soube muito bem passar isso para nós! Então, permita-se a degustar dessa entrevista e conhecer um pouco sobre o livro Permissão.

Qual a mensagem do livro Permissão?

          É mostrar aos leitores que nós permitimos tudo aquilo que passamos na vida. Que ao invés de ficar culpando as pessoas, coisas e fatos, devemos rever sempre nossas condutas. Tento nele fazer com que as pessoas despertem para a grande felicidade que é viver, antes que a vida não dê mais esta chance.

O que significa Permissão para você?

           Significa tudo hoje, é nela que me baseio para ser quem eu sou.
Levanto e me pergunto?
_ Quem eu quero me permitir ser hoje?
_Quem eu vou permitir interferir em minha vida?
Então, sou eu que faço a minha permissão.



Que tipo de evolução pessoal você quer nos passar com essa obra?

            Falou tudo EVOLUÇÃO PESSOAL.
Quero que elas EVOLUAM, este é o meu maior desejo. Eu evolui muito ao escrevê-lo. Quando terminei eu não era mais a mesma pessoa. Sentia que algo muito maior havia penetrado no meu próprio ser. Senti-me bem melhor e hoje me cobro cada palavra ali deixada.

Por que você resolveu escrever sobre esse tema?

          Eu fazia uma pequena participação numa rádio em Oliveira, Minas Gerais. O programa era ao vivo e muitas pessoas ligavam para fazer perguntas querendo que minha resposta fosse a solução de tudo. E numa destas, uma senhora me ligou dizendo que havia trinta e três anos que seu marido lhe tratava mal. E me perguntou o que deveria fazer. Acho que ela queria escutar um, “larga dele”, e era o que todos que ouviam queriam responder a ela , confesso que eu também , mas o programa era AO VIVO, tive que pensar muito rápido para não decepcionar ninguém. Foi aí que a resposta me veio como um milagre.
_ Se a senhora passa por isto há 33 anos, é porque um dia pela primeira vez PERMITIU que ele a fizesse isto, e agora é tarde para mudar o hábito que você mesma cultivou nele.
Então saí daquele programa já com meu novo livro PERMISSÃO.
Dali em diante foram 3 anos catalogando experiências, escutando histórias até finalizar o trabalho.

O livro Me leva pra casa, ensina como vivermos melhor?

              Ele é uma coletânea de artigos que eram escritos para um jornal regional, também em Minas.
Os assuntos abordados na rádio depois viravam artigos e eu os reuni e criei o Me Leve para Casa.
Como os temas eram de relacionamento humano, tentei coloca-los de forma a induzissem as pessoas em suas reflexões.
Sempre deixo claro que não espero  que as pessoas ao lerem meus livros concordem comigo. O simples fato de ler e questionarem já é um grande processo de mudança de pensamentos e isto é muito bom, induzir a auto reflexão

Qual o significado do título, “Me leva pra casa”?

              Quando eu dava as minhas palestras nas empresas e quando falava na rádio, as pessoas no final diziam que iriam me levar para casa delas para continuar falando. E esta foi uma maneira de ir para a casa de todos.
Deixe um recadinho para nossos leitores.
Ler o Permissão pode ser algo em sua vida bem diferente. Todas as pessoas que o leem dizem que ele é muito gostoso de ler, pois é uma linguagem simples.
Tive uma definição de simples que foi tudo para justificar meus livros.
O grande filósofo Mário Cortela definiu o simples como não ter o desnecessário.

Então Permissão e Me Leve para Casa tem somente o necessário para te fazer melhor e mais feliz ao se descobrir na leitura deles. 

E onde podemos encontrar o livro, Permissão?

Mande-me um e-mail que entrego no endereço desejado livropermissao@gmail.com